Administração

O Curso de Administração tem como principal objetivo fomentar em sua região a formação de administradores para o atendimento das diversas demandas. Conforme sua Diretriz Curricular Nacional, o curso de Administração  deverá ensejar, como perfil desejado do formando, capacitação e aptidão para compreender as questões administrativas, técnicas, sociais e econômicas da produção, dos serviços e de seu gerenciamento, observados os níveis graduais do processo de tomada de decisão, bem como para desenvolver gerenciamento qualitativo e adequado, revelando a assimilação de novas informações e apresentando flexibilidade intelectual e adaptabilidade contextualizada no trato de situações diversas, presentes ou emergentes, nos vários segmentos do campo de atuação do administrador.

 

O curso de Administração da Faculdade CENSUPEG, irá conferir o grau de Bacharelado a profissionais para atuarem nos setores de comércio e serviços, tão quanto em indústrias e empresas de pequeno e médio porte, contribuindo para o exercício da cidadania, fortalecimento do empreendedorismo e ativamente no aumento da visão estratégica voltada ao crescimento econômico. A Matriz curricular segue a articulação de eixos que formam a identidade do curso (Recursos Humanos, Marketing e Finanças) estabelecendo relações produtivas com a sociedade, comércio e serviços.

 

Sendo assim, o Curso de Bacharelado em Administração, atenderá diversas demandas desta região, como:

  1. A) Oferecer administradores reais para gerenciar os diversos estabelecimentos da região;
  2. B) Fomentar o desenvolvimento regional com a formação de “inteligência” e “pensamento estratégico” para a área de comércio e serviços em geral;
  3. C) Incentivar a atuação empresarial na área ambiental com responsabilidade social e sustentabilidade;
  4. D) Promover o desenvolvimento do índice de formação de educação superior, em atendimento ao Plano Nacional de Educação;
  5. E) Oportunizar para que, mediante o prosseguimento dos estudos em cursos de pós-graduação, seja fomentada a formação de profissionais para atuação na área de gestão estratégica de negócios na região e ainda, seja fomentada a formação de profissionais para atuação na educação superior de nível superior.

 

 

A articulação entre o ensino, pesquisa e extensão, garantindo um ensino crítico e reflexivo que sirva de pulsor de novas experiências científicas  e projetos de pesquisas; socializando o conhecimento adquirido e construindo vínculo com a comunidade. Acreditamos na necessidade do profissional estabelecer um vínculo precoce nas atividades práticas, que lhe ofereçam o desenvolvimento de habilidades diversas frente as problematizações reais. Neste sentindo o curso irá inserir o estudante nessas práticas complementares e de estágio, que o ajudarão na sua vida profissional.

 

Titulação: Bacharelado

Duração: 4 anos

 

matriz

ementa

DOU 23/12/2015 – SEÇÃO 1 – PÁGINA 19

Portaria no 1.040 de 23 de DEZEMBRO de 2015.

O SECRETÁRIO DE REGULAÇÃO E SUPERVISÃO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR, no uso da competência que lhe foi conferida pelo Decreto n° 7.690, de 2 de março de 2012, tendo em vista o Decreto no 5.773, de 9 de maio de 2006, e suas alterações, e a Portaria Normativa no 40, de 12 de dezembro de 2007, republicada em 29 de dezembro de 2010, do Ministério da Educação, resolve:

 

Art. 1o Ficam autorizados os cursos superiores de graduação, conforme planilha anexa, ministrados pelas Instituições de Ensino Superior, nos termos do disposto no artigo 35, do Decreto no 5.773, de 9 de maio de 2006,alterado pelo Decreto no 6.303, de 12 de dezembro de 2007.

Parágrafo único. As autorizações a que se refere esta Portaria são válidas exclusivamente para os cursos ministrados nos endereços citados na planilha anexa.

Art. 2o Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação.

MARCO ANTONIO DE OLIVEIRA

screenshot_1

O que faz um administrador de empresas?

O administrador tem uma função bastante ampla. Ele cuida desde a parte financeira à estratégia da empresa, pode passar pelo marketing, desenvolvimento e gestão de pessoas. A carreira tem essa diversidade, por isso é muito comum estudar administração de empresas, já que o profissional tem bastante alternativa. No momento em que o jovem não sabe o que vai fazer, na administração ele acaba vendo um pouco de tudo; depois acaba se especializando naquilo que gosta mais.

Quem pode atuar como administrador? Engenheiros, médicos, advogados, professores. O que motiva na escolha da profissão é a influência dos pais, dos colegas. Só que quando você começa a trabalhar toma gosto pela coisa. Muitas vezes um engenheiro descobre que é muito bom com os números e quer aplicar o conhecimento de outra maneira. De repente, montando ou administrando um negócio ele tem mais sucesso.

Especialização O curso de Administração ou de extensão (para profissionais que querem atuar como administradores, mas são de outras áreas) sempre é bom porque a atividade envolve diversas áreas, como recursos humanos, marketing. É importante ter embasamento teórico na área.

Áreas de atuação O administrador de empresas tem flexibilidade. Pode atuar em uma consultoria, um hospital. O jovem pode começar – como mostram os cases de sucesso – como auxiliar de escritório, assistente administrativo e ir crescendo, chegar a um cargo de diretoria.

Dicas aos jovens que querem atuar na área Uma dica importante é: qual empresa você quer trabalhar? Por exemplo: eu gosto da empresa x ou do segmento aéreo, farmacêutico. Busque a informação sobre as empresas desse segmento e quais serão os desafios de um administrador nela. Estude o mercado de trabalho e teste. O jovem que começa como estagiário está no momento de testar, provar.

Competências comportamentais são analisadas criteriosamente pelas empresas? Sem dúvida, é por isso que existem as dinâmicas de grupo. As pessoas falam: “nossa, eu tive de construir um trem com papel e fita crepe”. Por quê? As empresas estão medindo a liderança, as ideias alternativas, quem ficou quieto. Uma coisa é chegar à entrevista de emprego e dizer “sou criativo”. Mas diante de algumas atividades o recrutador capta como o candidato reage sob tensão, pressão, ou seja, no dia a dia empresarial.

Quais as competências mais importantes? No início da carreira é personalidade, como o profissional age, o que já fez (um trabalho voluntário?), o rendimento na universidade, se participa de algum clube. São características da vida pessoal que serão levadas para a empresa. Uma pessoa parada não vai se adequar a uma empresa dinâmica.

A faculdade é importante, mas não o mais importante. Foi-se o tempo que uma faculdade de primeira linha garantia emprego. Hoje é apenas mais um critério. Com relação à língua estrangeira, sim, é importante. Com tantas alternativas de escolas de inglês, espanhol em vez de ficar muito tempo na internet, vai fazer um curso que, com certeza, será um diferencial.

Todo administrador de empresas ganha bem? Vai ganhar dinheiro, com certeza. Mas comece devagar. “Ah, mas o meu amigo está na empresa x e ganha mais que eu”. Sempre terão diferenças de salário. Olhe para dentro de casa. Por que o seu amigo ganha mais? Porque ele correu atrás, fez algo diferente. Tem de tomar cuidado com as comparações. Existem segmentos que pagam mais. Estude o segmento que você quer trabalhar, mas não pense apenas no dinheiro. Você tem de ter prazer. O dinheiro é legal por um tempo. Depois você se pergunta: “nossa o que estou fazendo aqui?” É importante gostar do que faz.

http://carreiras.empregos.com.br/mercado/profissao-administrador-de-empresas/

O Censupeg possui diversas bolsas para que você possa garantir um futuro de qualidade, clique sobre as imagens e saiba mais sobre cada bolsa que a Faculdade CENSUPEG oferece:

bolsas

 

 

Bolsa-cidadao-fidelense transferencia melhor-idade vestibular bolsa-2-graduacao

botao-vermelho

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Telefone

 

admfd

Gostou deste curso? Solicite mais informações abaixo.

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Telefone